Telefonema de mensageiro para amigo teria levado a Bin Laden

Um telefonema teria levado os Estados Unidos a encontrarem a casa onde estava escondido Osama Bin Laden. Segundo o site do jornal The Washington Post, uma liga??o de Abu Ahmed al-Kuwaiti, pseud?nimo de um paquistan?s que seria a principal liga??o do l?der da al-Qaeda com o mundo fora da casa, para um amigo foi rastreada pela intelig?ncia americana, que descobriu a localiza??o de Osama.

Segundo a reportagem, Kuwaiti ligou para um amigo que perguntou onde ele estava e o que estava fazendo. "Voltei para as pessoas com quem estava", disse o homem. A frase teria sido o suficiente para a intelig?ncia entender que ele estava com Osama Bin laden. "Que Deus nos ajude", complementou Kuwaiti.

"Foi a? que come?ou o filme da ca?ada por Bin Laden", disse um oficial da intelig?ncia dos Estados Unidos que n?o foi identificado pela reportagem. Kuwaiti estaria sendo procurado pelos Estados Unidos h? cerca de quatro anos, quando a liga??o para o amigo deu o n?mero do celular para os agentes. A reportagem afirma que eles encontraram o paquistan?s "usando um vasto n?mero de recursos humanos e t?cnicos".

Os oficiais afirmam que qualquer um que deixasse a casa, que n?o tinha nenhum sinal de internet ou telefone que pudesse ser rastreado, dirigia por pelo menos 90 minutos antes de sequer colocar uma bateria em um telefone celular.

Osama bin Laden ? morto no Paquist?o
No final da noite de 1? de maio (madrugada do dia 2 no Brasil), o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, anunciou a morte do terrorista Osama bin Laden. "A justi?a foi feita", afirmou Obama num discurso hist?rico representando o ?pice da chamada "guerra ao terror", iniciada em 2001 pelo seu predecessor, George W. Bush. Osama foi encontrado e morto em uma mans?o na cidade paquistanesa de Abbottabad, pr?xima ? capital Islamabad, ap?s meses de investiga??o secreta dos Estados Unidos .

A morte de Bin Laden - o filho de uma milion?ria fam?lia que acabou por se tornar o principal ?cone do terrorismo contempor?neo -, foi recebida com enorme entusiasmo nos Estados Unidos e massivamente saudada pela comunidade internacional. Tr?s dias depois e ainda em meio resqu?cios de d?vidas sobre o fim de Bin Laden, a Casa Branca decidiu n?o divulgar as fotos do terrorista morto. Enquanto isso, Estados Unidos e Paquist?o debatem entre si as responsabilidades e falhas na localiza??o do l?der da Al-Qaeda.

NOTEBOOK

Related Posts with Thumbnails