Membros de igreja protestante ilegal s�o detidos na China

Pelo menos 15 membros de uma igreja protestante clandestina da China foram detidos quando tentavam celebrar um culto ao ar livre, no ?ltimo incidente de uma s?rie na qual a pol?cia j? deteve mais de 200 de seus fi?is em menos de um m?s, informou nesta segunda-feira a imprensa local.

Os membros da igreja de Shouwang, que tem cerca de 1 mil seguidores, estavam em uma pra?a de uma ?rea comercial de Pequim, na qual havia uma forte presen?a policial como a cada domingo desde o dia 10 de abril, quando foram detidos ali 169 fi?is, informou o jornal independente South China Morning Post. As autoridades chinesas est?o h? semanas evitando que esta igreja oficie servi?os religiosos em p?blico.

Alguns dos crist?os detidos em algumas ocasi?es anteriores assinalaram que a pol?cia lhes permitiu rezar e cantar enquanto estavam detidos, mas tamb?m lhes pressionou para que assinassem declara??es nas quais prometiam n?o voltar a celebrar um culto na rua.

A igreja perdeu o lugar onde realizava seus ritos quando as autoridades locais for?aram seu senhorio a despej?-los e impediram que se mudassem para um escrit?rio comprado pela igreja em 2009.

A China ? um Estado aconfessional que reconhece religi?es, entre elas a crist?, mas s? em grupos oficiais controladas pelo Partido Comunista da China (PCCh), no poder desde 1949.

NOTEBOOK

Related Posts with Thumbnails