Audi�ncia preliminar de chefe do FMI � adiada

O chefe do FMI, Dominique Strauss-Kahn, em imagem de arquivo de janeiro de 2008. Foto: EFE

O chefe do FMI, Dominique Strauss-Kahn, em imagem de arquivo de janeiro de 2008
Foto: EFE

A audi?ncia preliminar para a apresenta??o formal de acusa??es contra o diretor-gerente do FMI, Dominique Strauss-Kahn, foi adiada neste domingo a pedido da pol?cia de Nova York, que quer submeter o acusado a mais provas. Segundo The Wall Street Journal, concretamente os agentes querem examin?-lo fisicamente na busca de arranh?es.

Ao mesmo tempo, o porta-voz do Fundo Monet?rio Internacional (FMI), Bill Murray, informou que a reuni?o informal de urg?ncia de seu conselho diretor que estava prevista para esta tarde foi adiada, na qual iam ser abordados os eventos em torno de Strauss-Kahn. O alto funcion?rio foi reconhecido neste domingo pela funcion?ria de um hotel que o acusa de tentativa de estupro.

Segundo um porta-voz da pol?cia, a mulher, 32 anos, compareceu na delegacia onde se encontra detido Strauss-Kahn e identificou o alto funcion?rio entre um grupo de homens.

NOTEBOOK

Related Posts with Thumbnails