Col�mbia: ap�s 48h em poder das Farc, 200 ref�ns s�o libertados

Cerca de 200 pessoas recuperaram sua liberdade nesta ter?a-feira ap?s permanecerem 48 horas em poder de guerrilheiros das For?as Armadas Revolucion?rias da Col?mbia (Farc) em uma regi?o de floresta do noroeste colombiano, informou a imprensa local.

Segundo estes ve?culos, os alde?es chegaram a Quibd?, capital do departamento de Choc?, custodiados pelo Ex?rcito, Marinha e For?a A?rea. Na manh? desta ter?a-feira, o prefeito da aldeia de Bet? e M?dio Atrato, Luis Moreno, assinalou que a situa??o dessas pessoas, retidas desde domingo, tendia a piorar, j? que estavam ficando sem alimento.

O conflito come?ou no domingo, quando um grupo de rebeldes, supostamente da frente 34 das Farc, matou tr?s civis e um policial e feriu outros dois alde?es e um militar em tr?s ataques consecutivos contra duas embarca??es de passageiros e outra da Marinha.

O defensor p?blico de Choc? V?ctor Mosquera denunciou ? RCN Radio que entre tr?s e quatro mil pessoas permanecem confinadas devido ? press?o exercida pelas Farc em M?dio Atrato e em outros munic?pios ribeirinhos do rio Atrato, a principal art?ria fluvial do departamento.

Al?m disso, segundo camponeses da regi?o, os insurgentes est?o distribuindo ? popula??o panfletos contendo amea?as para convocar uma greve armada por ocasi?o do 47? anivers?rio de funda??o da guerrilha, a mais antiga da Am?rica Latina.

Em Bogot?, o ministro de Defesa colombiano, Rodrigo Rivera, disse que cerca de 200 militares foram enviados ? zona para resolver o conflito o mais r?pido poss?vel.

NOTEBOOK

Related Posts with Thumbnails