Jornal: SP tem 2.700 mortos na lista de procurados da pol�cia

Para tentar separar quem est? vivo de quem est? morto em sua lista de procurados, a Pol?cia Civil de S?o Paulo est? fazendo uma esp?cie de auditoria nos mandados de pris?o, de acordo com o jornal Folha de S?o Paulo desta segunda. A Divis?o de Capturas da pol?cia j? achou mais de 2.700 mortos e cerca de 3.000 "prescritos" na lista dos 152 mil procurados do Estado.

A publica??o cita o exemplo do m?dico Em?lio Conti, 104 anos, que consta como procurado da Justi?a no banco de dados da pol?cia. Existem dois mandados de pris?o contra ele e, em tese, todos os policiais civis e militares paulistas t?m ordem judicial para procur?-lo e prend?-lo. Segundo o jornal, Conti morreu em 30 de abril de 1968, aos 61 anos, mas continua vivo para os policiais em raz?o do falho e desatualizado sistema de informa??es judiciais de procurados.

NOTEBOOK

Related Posts with Thumbnails